Engenharia de Produção - Fatene

Engenharia de Produção

Engenharia de Produção

Informações Gerais

COORDENADOR

Prof.ª Isabel Ferreira de Barros
Graduação em Engenharia de Produção Mecânica (URCA)
Mestrado em Engenharia e Ciência de Materiais (UFC)
Fone (85) 3299.2829
 

DURAÇÃO DO CURSO

10 semestes / 5 anos

 

TURNOS POR CAMPUS

NOITE - Unidade CAUCAIA

 

AVALIAÇÃO DO CURSO

CONCEITO 3 - Portaria 360 de 10/06/2014

Link de acesso no MEC

 

MATRIZ CURRICULAR

 

SOBRE O CURSO

O curso de bacharelado em Engenharia de Produção envolve pessoas, materiais, equipamentos e o ambiente em projetos e gerência de sistemas. A Engenharia de Produção está associada às Engenharias tradicionais e vem ultimamente ganhando a preferência na escolha dos candidatos à Engenharia. A Engenharia de Produção engloba um grande conjunto de conhecimentos e habilidades. Dentre eles, pode-se citar: economia, meio ambiente, administração, contabilidade, finanças, projetos, processos, segurança do trabalho e muitos outros.

 O curso oferece ainda disciplinas básicas de química, física e cálculo, complementadas por um conjunto de matérias de Engenharia, algoritmo e programação, engenharia de métodos e sistemas de trabalho, planejamento e controle da produção, gestão da manutenção, etc. 

O Engenheiro de produção é um dos únicos profissionais do mercado que consegue enxergar os problemas de forma global, não fragmentada. Ele conhece bem os problemas industriais e as tecnologias que são necessárias para resolvê-los. É um profissional que atua especificamente em área de conhecimento, nos métodos gerenciais, na implantação de sistemas informatizados para a gerência de empresas, no uso de métodos para melhoria da eficiência das empresas e na utilização de sistemas de controle dos processos da empresa.

A Carga Horária do Curso de Engenharia de Produção da FATENE totaliza 4.120 horas, com 80 horas de atividades complementares e 280 horas de estágio supervisionado. O tempo de conclusão do curso é de 5 anos.

MERCADO DE TRABALHO / CAMPO DE ATUAÇÃO

O Engenheiro de Produção possui uma formação multidisciplinar e conhecimentos necessários para a resolução de problemas de maneira global, permitindo que as opções e locais de trabalho sejam ampliadas. Por possuir conhecimento a respeito de processos produtivos, conceitos administrativos, o Engenheiro de Produção torna-se capaz de atuar não somente nas indústrias, mas também nas empresas prestadoras de serviço.

 

PERFIL DO FORMANDO

De acordo com a  RESOLUÇÃO Nº 2, DE 24 DE ABRIL DE 2019, que institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Engenharia, o perfil do egresso do curso de graduação em Engenharia de Produção deve compreender, entre outras, as seguintes características: 

  • Aplicar conhecimentos matemáticos, científicos, tecnológicos e instrumentais à engenharia;
  • Projetar e conduzir experimentos e interpretar resultados;
  • Conceber, projetar e analisar sistemas, produtos e processos;
  • Planejar, supervisionar, elaborar e coordenar projetos e serviços de engenharia;
  • Identificar, formular e resolver problemas de engenharia;
  • Desenvolver e/ou utilizar novas ferramentas e técnicas;
  • Supervisionar a operação e a manutenção de sistemas;
  • Avaliar criticamente a operação e a manutenção de sistemas;
  • Comunicar-se eficientemente nas formas escrita, oral e gráfica;
  • Atuar em equipes multidisciplinares;
  • Compreender e aplicar a ética e responsabilidade profissionais;
  • Avaliar o impacto das atividades da engenharia no contexto social e ambiental;
  • Avaliar a viabilidade econômica de projetos de engenharia;
  • Assumir a postura de permanente busca de atualização profissional;
  • Gerenciar tarefas complexas.

 

HABILIDADES DESENVOLVIDAS PELO PROFISSIONAL

A FATENE irá formar profissionais que revelem, pelo menos, as seguintes competências e habilidades:

COMPETÊNCIAS HABILIDADES ATITUDES
Aplicar os conhecimentos oriundos da metodologia científica, tanto na realização de trabalhos experimentais quanto teóricos Saber identificar os diferentes tipos de conhecimentos, técnicas e métodos científicos, bem como dos diferentes tipos de pesquisa, seja ela experimental ou teórica Ser capaz de escolher as melhores técnicas e métodos de pesquisa, tendo em vista a adequação com a necessidade vigente
Aplicar os conhecimentos inerentes à informatização de sistemas Saber identificar os diferentes tipos de sistemas operacionais, bem como ferramentas de apoio para a realização das atividades Ser capaz de utilizar as ferramentas e sistemas operacionais da área da informática, bem como de utilizar os conceitos relacionados à lógica de programação e uso de linguagens de programação
Relacionar o papel do Engenheiro com o contexto empresarial, local, estadual, etc., bem como com as teorias administrativas que dão aporte ao conceito relacionado à organização do trabalho na produção Saber utilizar as noções de legislação, ética profissional e as teorias administrativas para atuar nas organizações, tendo em vista a necessidade de gerenciamento integrado do sistema composto por homem, máquina e produto Ser capaz de agir eticamente, respeitando as competências inerentes à formação em Engenharia de Produção
Conhecer os conceitos básicos inerentes à química geral Saber utilizar os conhecimentos teóricos inerentes à química geral na realização de experimentos de laboratório Ser capaz de realizar estudos de periodicidade química, termodinâmica, equilíbrio químico, etc.
Conhecer os conceitos básicos inerentes à física geral Saber utilizar os conhecimentos teóricos inerentes à física geral na realização de experimentos de laboratório Ser capaz de realizar estudos relacionados às Leis de Newton, Leis de Kepler, campo gravitacional, Lei de Gauss, etc.
Conhecer os conceitos básicos inerentes à matemática Saber utilizar as teorias inerentes aos conhecimentos relacionados ao cálculo de limites, derivadas e integrais, aliado ao conhecimento de geometria e trigonometria Ser capaz de utilizar os conhecimentos matemáticos para realizar cálculos no contexto empírico da atuação do profissional
Conhecer o contexto ambiental local e empresarial, bem como as técnicas e teorias inerentes à gestão ambiental Saber utilizar as técnicas de gerenciamento ambiental, relacionando-as com o ciclo de vida dos produtos, legislação vigente e a comunidade Ser capaz de utilizar as técnicas inerentes à gestão ambiental como aporte à preservação do meio ambiente e ao respeito da cultura e sociedade
Conhecer os conceitos inerentes ao desenho técnico e assistido por computador Saber utilizar as normas relacionadas ao desenho técnico e apresentação de projetos Ser capaz de utilizar as normas referentes ao desenho técnico em projeções ortogonais, cortes e seções
Conhecer os conceitos inerentes à estatística e ao controle estatístico da qualidade e de processos Saber utilizar os conhecimentos relacionados à probabilidade, inferência estatística, regressão linear, estatística de processos, etc. Ser capaz de fazer cálculos de probabilidade e regressão linear, além de utilizar a estatística para otimização e melhoria de processos de processos, fazendo uso das ferramentas da qualidade como apoio à decisão
Conhecer os conceitos relacionados à micro e macroeconomia, bem como à contabilidade

Saber utilizar os princípios básicos relacionados à economia para compreensão da eficiência e falhas do mercado, comportamento empresarial e previsão de demanda

Saber utilizar os princípios relacionados à contabilidade para elaboração de balanços patrimoniais, demonstração de resultado do exercício e situação líquida patrimonial

Ser capaz de discernir sobre o crescimento econômico, mercado, inflação, desemprego, oportunidades de negócio, investimento e políticas monetárias e utiliza-los como ferramenta de apoio à decisão

Ser capaz de utilizar corretamente as ferramentas da contabilidade para a organização e otimização dos processos

Relacionar os diferentes tipos de processos discretos e contínuos da produção com a prática profissional, tendo em vista à qualidade, produtividade, custo e prazo Saber produzir com base nos sistemas envolvendo processos automatizados, bem como fazer uso das boas práticas de utilização de máquinas e equipamentos para fabricação de bens Ser capaz de gerenciar sistemas de produção automatizados, tendo como base a seleção de insumos, conhecimento a respeito da gestão da manutenção, gestão da qualidade, etc.
Conhecer os conceitos básicos a respeito da logística e cadeia de suprimentos Saber integrar a cadeia de suprimentos à rede de operações produtivas, tendo em vista as necessidades inerentes à aquisição e movimentação de materiais, bem como as estratégias envolvidas no processo Ser capaz de planejar a rede de operações produtivas e fazer uso dos conhecimentos da área para a tomada de decisão, baseando-se nos custos envolvidos, nos indicadores de cadeia de valor e de desempenho logístico
Conhecer as diferentes ferramentas que podem ser utilizadas no contexto de previsão da demanda e ao planejamento da necessidade de materiais, bem como as instalações industriais e os diferentes tipos de layout que podem ser utilizados no contexto organizacional Saber integrar o sistema composto por homens, máquinas e produtos, sendo capaz de prever demandas, planejar e controlar o fluxo de produção com base no uso de ferramentas e softwares específicos para tal Ser capaz de gerenciar processos produtivos, fazendo uso dos conceitos cumulativos concernentes ao sistema produtivo, tendo em vista suas peculiaridades. Deve ser capaz ainda de utilizar as ferramentas e softwares de gestão de modo a alcançar a otimização da produção, reduzindo tempo e custos, mantendo os níveis de qualidade aceitáveis pelo consumidor
Conhecer as diferentes ferramentas que podem ser utilizadas no contexto do gerenciamento da qualidade dentro da produção Saber utilizar as ferramentas e metodologias da qualidade como forma de possibilitar a análise e solução de problemas, tendo em vista a estratégia adotada pela empresa

Ser capaz de implantar sistemas de gerenciamento da qualidade, à luz das ferramentas disponíveis, adaptando o seu uso conforme a necessidade do setor/empresa.

Deve ainda ser capaz de mensurar os custos relacionados à qualidade, utilizando esses resultados para a potencialização da produtividade e eficiência dos processos.

Ser capaz maximizar a qualidade do processo, produto ou serviço que será oferecido ao consumidor, sem aumentar os custos de produção

Conhecer os princípios da ciência dos materiais, suas características e os conceitos físicos relacionados à resistência dos mesmos

Saber calcular as propriedades mecânicas dos diferentes tipos de materiais, tendo em vista suas especificidades no que diz respeito à estrutura cristalina

Saber identificar as propriedades elétricas, magnéticas, térmicas e ópticas dos materiais

Ser capaz de selecionar os materiais adequados para os diferentes fins, levando em consideração características referentes às suas respectivas propriedades
Conhecer as normas referentes à saúde e segurança do trabalho Saber utilizar as diferentes normas relacionadas à saúde e segurança do trabalhador, prezando, sempre que possível, pelas boas práticas de produção de forma a minimizar os riscos existentes por meio do uso dos equipamentos de segurança, bem como de ações relacionadas à ergonomia Ser capaz de gerenciar os diferentes tipos de processos produtivos, levando sempre em consideração a legislação vigente que trata sobre a saúde e segurança do trabalhador
Conhecer os princípios que regem a pesquisa operacional, bem como o uso de seus conceitos no que diz respeito à otimização, modelagem, programação linear, etc.

Saber utilizar as ferramentas que possibilitam a resolução de problemas relacionados à otimização, dualidade, análise de sensibilidade e interpretação econômica

Saber resolver problemas de rede e roteirização

Ser capaz de otimizar os diferentes tipos de processos produtivos, resolvendo problemas de otimização, otimização, dualidade e roteirização
Conhecer os sistemas integrados de manufatura, bem como os conceitos referentes às boas práticas de gerenciamento de processos à luz do planejamento e controle da produção, planejamento de estoque e da capacidade Saber controlar a produção, utilizando os cálculos para previsão e planejamento da capacidade, da demanda e do estoque Ser capaz de implantar eficientes sistemas de planejamento e controle da produção, bem como de utilizar ferramentas e conceitos específicos para tal fim
Conhecer os princípios que regem à gestão e desenvolvimento de produtos, à luz da estratégia empresarial, levando sempre em consideração à análise de mercado e o ciclo de vida útil do produto Saber projetar produtos levando em consideração a estratégia empresarial, os requisitos de mercado, a análise de valor e os aspectos econômicos Ser capaz de projetar produtos, sejam eles inéditos ou adaptação de outros já existentes, de modo à atender às necessidades e expectativas dos consumidores
Conhecer os princípios que regem à produção de serviços no mercado, bem como a tipologia inerentes a eles, levando em consideração suas especificidades, estrutura organizacional e custos envolvidos na oferta Saber gerenciar empresas ofertantes de serviços, tendo sempre em vista a necessidade de implantar sistemas de melhoria contínua, redução de custos (quando possível) e garantia da qualidade Ser capaz de projetar serviços, estabelecendo canais de comunicação eficientes que possibilitem uma maior proximidade entre a empresa e as necessidades dos consumidores, levando sempre em consideração as ações de front back office, como forma de alcançar a satisfação, fidelização e retenção do consumidor
Conhecer o mercado e as possibilidades dentro da área de formação, que permitam o empreendedorismo e a compreensão a respeito da estratégia empresarial Saber discernir entre as diferentes oportunidades do mercado e escolher as opções viáveis no que diz respeito ao empreendedorismo e às estratégias economicamente viáveis Ser capaz de compreender as peculiaridades referentes às pequenas, médias e grandes empresas, tendo em vista suas especificidades e ser capaz de efetuar escolhas lógicas, racionais e economicamente viáveis
Conhecer os sistemas de controle e automação de processos, bem como a instrumentação e tecnologias possíveis Saber utilizar as diferentes tecnologias que podem ser aplicadas no contexto produtivo, identificando, sempre que possível, as necessidades de automatização dos processos Ser capaz de projetar processos automatizados, indicando as melhores tecnologias e adequando-as às necessidades e restrições organizacionais

 

CORPO DOCENTE:

  • Prof.ª Me. Isabel Ferreira de Barros
  • Prof. Dr. Alan Diniz Lima
  • Prof. Dr. Luiz Carlos Guerreiro Chaves
  • Prof.ª Me. Marcela Costa Araújo
  • Prof. Me. Francisco Wendel Cipriano de Oliveira
  • Prof. Me. Diego Rodrigues Holanda
  • Prof. Esp. José Valdir Vidal Junior
  • Prof. Esp. Gleison Ribeiro Cruz
  • Prof. Dr. José Bruno de Rêgo Mesquita
  • Prof. Me. Bruno de Sena Pinheiro
  • Prof.ª Dra. Melina Yara Del Mar Cantillo Castrillon
  • Prof. Me. Guipson Fontes Pinheiro Neto
  • Prof. Me. Luis Fabrício de Freitas Souza

 

PPC E NDE

O NDE é formado pelos seguintes professores:

  • Profª.Ms. Isabel Ferreira de Barros - (Coordenadora)
  • Prof. Dr. Alan Diniz Lima
  • Prof. João Luis Josino Soares
  • Prof. Ms. Marcela Costa Araújo
  • Prof. Esp. José Valdir Vidal Júnior

 

 


compartilhe:

Top